As diversas exchanges de bitcoins disponíveis no Brasil e no mundo oferecem ao investidor a possibilidade de comprar e vender as criptomoedas com segurança e transparência.

Na hora de escolher, porém, é importante que o usuário conheça as particularidades de cada uma. Elas têm total liberdade para determinar suas taxas, comissões, métodos de pagamento etc.

Quer conhecer melhor as exchanges de bitcoins? Então, continue lendo para saber mais!

O que são exchanges de bitcoins?

Elas são plataformas que permitem a compra e venda de bitcoins. Elas não os vendem diretamente, mas possibilitam o contato entre pessoas que querem vender com pessoas que querem comprar.

Elas funcionam como o eBay ou mercado livre, por exemplo. A principal função das exchanges é garantir que compradores recebam os bitcoins e vendedores recebam o dinheiro envolvido na negociação.

Quais plataformas podem ser usadas?

Já existem muitas plataformas e, com o crescimento das moedas digitais, a cada dia surgem novas opções. Conheça agora 4 exchanges de bitcoins que são grandes conhecidas!

1. Coinbase

A Coinbase é, atualmente, uma das maiores referências de bitcoin do mundo. Está disponível nos EUA, Canadá, Singapura, Austrália e na maioria dos países Europeus.

Localizada em São Francisco, na Califórnia, a Coinbase conta com grandes investidores e, por isso, é considerada uma plataforma muito sólida e confiável.

2. LocalBitcoins

A LocalBitcoins é uma exchange peer-to-peer ou, em tradução livre, de pessoa para pessoa. Isso é, compradores e vendedores podem decidir sobre os termos da negociação e a plataforma é usada apenas como garantia.

Ela está disponível em praticamente todos os países do mundo, sendo a única opção em muitos lugares.

3. OkEx

A OKEx é a plataforma de trades em dólar da OKCoin, e atualmente é a maior plataforma de trade de bitcoin do mundo. Esse grupo econômico possui outras plataformas em outras moedas, como a OkCoin CNY, que fica em Hong Kong.

4. FOXBIT

A FOXBIT é a maior exchange brasileira de bitcoins, com um grande volume de negociações. A plataforma realiza a intermediação da compra e venda de bitcoins para garantir a segurança das operações.

Como escolher uma exchange de bitcoins?

Agora que você já conhece algumas opções, talvez esteja se perguntando como escolher a exchange certa para você. Confira agora os principais pontos a serem considerados!

Taxas

É importante saber que, diferentemente de outras moedas, não existe uma taxa de câmbio oficial para o bitcoin. Existe a taxa média do mercado e cada negociante é livre para determinar o seu câmbio.

Além disso, as exchanges costumam cobrar uma comissão por cada transação. Por isso, observe a taxa média do mercado e os percentuais cobradas por cada uma.

Métodos de pagamento

Os métodos variam entre cartão de crédito, transferência bancária, Paypal e outros. Muitas exchanges também aceitam pagamentos em diferentes moedas, como Real, Dólar, Euro ou outras criptomoedas.

Volume de transações

O volume de transações é uma medida do quanto a exchange tem o reconhecimento do mercado. Além disso, com mais pessoas comprando e vendendo, a liquidez do investimento é maior.

Segurança

Por fim, a segurança é um fator crucial para as exchanges de bitcoins. Os métodos de identificação usados por elas, a encriptação e outras medidas são fundamentais para garantir a segurança da sua conta.

Por fim, lembramos que o investimento em bitcoins, quando realizado por meio de exchanges confiáveis, é seguro e pode ser muito rentável.

E você, está pensando em começar a investir em bitcoins? Então, cadastre-se na FOXBIT e receba um bônus para a sua primeira compra!